domingo, junho 16, 2024
spot_img
HomeCrimeHomem preso suspeito de matar ‘por prazer’ e beber o sangue das...

Homem preso suspeito de matar ‘por prazer’ e beber o sangue das vítimas usava carrinho de reciclagem para transportar corpos, diz delegado

Polícia explica que foi encontrado sangue no carrinho, em Goiânia. Investigação aponta ele se aproveitava do estado de vulnerabilidade das vítimas em situação de rua e usuários de drogas para atraí-las e depois matá-las.

A Polícia Civil investiga o homem preso suspeito de matar três pessoas em Goiânia. A investigação apura que o investigado matava “por prazer” e que bebia o sangue das vítimas após as mortes. De acordo com o delegado Marcos Cardoso, o suspeito trabalhava como catador de reciclagem e usava o carrinho para transportar corpos das vítimas enrolados em colchões.

“Verificamos que ele transportava as vítimas no carrinho de reciclagem, enrolava em um colchão ou lençol e depois desovava em regiões de mata. No interrogatório, ele confessou um dos crimes e falou que foi transportado no carrinho. Também foi encontrado sangue no carrinho”, explicou o delegado.

Os crimes aconteceram em dezembro de 2023 e fevereiro de 2024 na região norte da capital. O nome do suspeito não foi divulgado. Por isso, o g1 não localizou a defesa dele até a última atualização desta reportagem.

“No dia 16 de dezembro encontramos o primeiro corpo. No dia 23 de dezembro encontramos o segundo corpo e no dia 11 de fevereiro encontramos o terceiro”, informou o delegado.

Carrinho de reciclagem utilizado por catador para carregar corpos, em Goiânia — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Investigação

A polícia explicou que o suspeito preso confessou apenas um dos homicídios. No entanto, explica que denúncias anônimas apontam que o suspeito teria uma lista com cinco nomes de pessoas que iria matar.

A investigação mostrou ainda que o homem agiu da mesma forma nas três mortes. Segundo a polícia, ele aproveitava do estado de vulnerabilidade das vítimas em situação de rua e usuários de drogas para atraí-las e depois matá-las 

A PC cumpriu medidas cautelares na última terça-feira (27) durante operação da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH). A Operação Sanguinaz contou com o apoio da Polícia Técnico-Científica e a prisão foi feita pela Polícia Militar no último domingo (25). De acordo com o delegado, ele já responde por três crimes de homicídio e tortura.

Durante o cumprimento de buscas em endereços vinculados ao suspeito, a Polícia Técnico-Científica encontrou vestígios de sangue humano em um dos locais. O material coletado será confrontado com o das vítimas.

Vestígios de sangue humano encontrados em casa ligada a investigado — Foto: Divulgação/Polícia Civil

FONTE: G1

NOTÍCIAS SIMILIARES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

PUBLICIDADE

spot_imgspot_imgspot_img

spot_img

spot_imgspot_imgspot_img

spot_imgspot_imgspot_img

NOTÍCIAS RELEVANTES

Comentários Recentes