domingo, junho 16, 2024
spot_img
HomeCrimePC realiza prisão de filho que filmava sessões de tortura contra o...

PC realiza prisão de filho que filmava sessões de tortura contra o próprio pai

Conforme a PC, os vídeos eram postados da internet e mostram o idoso deitado gritando de dor e sentado em uma cadeira sem conseguir sequer conversar.

Um homem de 42 anos foi preso suspeito de filmar sessões de tortura contra o pai, um idoso de 69 anos, e postar na internet, em Valparaíso de Goiás. Os vídeos mostram dois momentos dos crimes, em um deles o idoso deitado gritando de dor. Em outro, ele está sentado em uma cadeira, sem roupa, e sem conseguir sequer conversar. Imagens são fortes.

O resgate do idoso aconteceu na última quinta-feira (5), após a Assistência Social informar que os registros da tortura foram publicados no “status” do WhatsApp do suspeito dois dias antes. A força-tarefa para localizar o autor das imagens contou com apoio também da Polícia Militar (PM).

A Polícia Civil (PC) informou que o idoso estava em uma situação degradante, com falta de ar, hematomas, com urina e fezes no seu corpo e deitado em uma cama dentro de um depósito de peças automotivas.

Operação “Jogos Mortais”

A operação para resgatar o idoso e prender o filho foi nomeada de “Jogos Mortais”. De acordo com a PC, a vítima não conseguia conversar, nem parar em pé.

No local do resgate, os policiais encontraram sangue da vítima no chão. No pescoço, marcas indicavam esganadura. Além disso, a polícia detalhou que havia uma corda na parede, que funcionava como “coleira” para manter a vítima ereta, sem roupas e presa em um colar cervical manchado de sangue.

O idoso foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e internado no Hospital Municipal.

O relatório médico divulgado pela PC, apontou que o idoso tinha sinais de espancamento e hematomas espalhados pelo corpo que indicavam a repetição da violência em períodos diferentes.

A prisão

Na casa, só estavam o autor e a vítima, mas os cartões e documentos do idoso estavam com o autor, segundo a PC. O autor foi levado para delegacia e as versões ditas em interrogatório não eram compatíveis com a situação da vítima e do local onde ela foi resgatada, conforme detalhou a PC.

“Os atos praticados demonstram que o autor lentamente desejava a morte de seu genitor, torturando-o e filmando-o, além de se apropriar de seus bens e rendimentos, mostraram a procedência da informação e materializaram a situação flagrancial”, disse a PC através de nota à imprensa.

A Polícia Técnico Científica foi acionada e um perito foi ouvido em depoimento para reforçar o flagrante da tentativa de homicídio mediante tortura. Por isso, foi decretada a prisão em flagrante pelos seguintes crimes: Tentativa de homicídio qualificado pela tortura e apropriação de bens, proventos e qualquer outro rendimento de pessoa idosa.

A PC divulgou que foi representada a prisão preventiva do investigado, que ficou à disposição do Poder Judiciário.

Os nomes dos envolvidos não foram divulgados. 

FONTE: JORNAL DO VALE

NOTÍCIAS SIMILIARES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

PUBLICIDADE

spot_imgspot_imgspot_img

spot_img

spot_imgspot_imgspot_img

spot_imgspot_imgspot_img

NOTÍCIAS RELEVANTES

Comentários Recentes