domingo, julho 21, 2024
spot_img
HomeDETRANEm Goiás, servidores do Detran são suspeitos de transferir veículos de pessoas...

Em Goiás, servidores do Detran são suspeitos de transferir veículos de pessoas mortas usando documentos falsos

O esquema, conforme o Detran-GO, funcionava juntamente com um cartório na cidade de Quirinópolis.

A Polícia Civil (PC) está investigando o fato de dois servidores suspeitos de fazer adulterações e transferir veículos sem documentos exigidos pela lei, em Paranaiguara.

Conforme o Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO), um dos envolvidos é uma servidora da prefeitura de Paranaiguara de 34 anos, que foi demitida. O segundo servidor tem 29 anos, era comissionado e perdeu o cargo. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados.

O esquema, segundo o Detran, funcionava juntamente com um cartório de Quirinópolis, que realizava as autenticações em documentos adulterados pelos servidores.

O órgão de trânsito também informou que as fraudes feitas pelos envolvidos eram transferências de pessoas falecidas, sem inventário, para pessoas vivas. Os selos seriam falsos, documentos adulterados e procedimentos realizados sem vistorias.

Segundo o presidente do Detran, delegado Waldir, dos 32 processos investigados em Paranaiguara, 31 deles apresentaram fraudes.

“Esses servidores cobravam a parte pelos serviços. Eles atuavam há cerca de 2 anos e visavam sempre a vantagem financeira”, disse Waldir.

Os valores obtidos pelos serviços com as fraudes ainda são desconhecidos.

FONTE: JORNAL DO VALE

NOTÍCIAS SIMILIARES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

PUBLICIDADE

spot_imgspot_imgspot_img

spot_img

spot_imgspot_imgspot_img

spot_imgspot_imgspot_img

NOTÍCIAS RELEVANTES

Comentários Recentes