domingo, julho 21, 2024
spot_img
HomeNova GlóriaDuas armas são aprendidas em Nova Glória pela Polícia Militar após briga...

Duas armas são aprendidas em Nova Glória pela Polícia Militar após briga em estabelecimento comercial

Uma equipe da Polícia Militar de Nova Glória, foi acionada para uma averiguação de uma briga e que também havia ocorrido dois disparos de arma de fogo em um estabelecimento Comercial. Fato ocorrido na madrugada deste domingo (4/6), por volta das 0h

De acordo com o registro da PM, ao chegar no local, a equipe visualizou um homem de 30 anos, portando em mãos um revólver e uma pistola, e próximo dele, havia uma pessoa deitada ao solo ensanguentada.

A equipe iniciou a abordagem verbalizando com o suspeito armado, onde ele foi desarmado e algemado. O homem segundo o registro foi identificado, e que o mesmo relatou a equipe que teve uma discussão e posteriormente uma briga com um senhor, de 59 anos, um 2º Sargento da PM, e que as armas que estavam com o suspeito, são pertencentes ao 2º sargento.

Disparo de arma de fogo no piso 

Conforme relatado no registro, testemunhas disseram que o suspeito teria agredido a vítima com socos e chutes e que posteriormente disparou por duas vezes com uma arma de fogo em direção ao solo, sendo possível visualizar as marcas dos disparos (um no chão e um na parede do estabelecimento).

Ainda conforme o registro, a equipe deu voz de prisão ao suspeito, já a vítima que estava desacordada foi atendida pela ambulância do município e encaminhada para o Posto de Saúde. Consta no registro que a vítima estava com vários hematomas e cortes na região frontal da cabeça, que devido a gravidade das lesões, foi encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Ceres.

A equipe conduziu o suspeito ao posto de saúde onde foi feito relatório médico e em seguido foi conduzido a delegacia de Rubiataba para demais providencias.

Foi apreendido uma Pistola Marca Taurus calibre 380, um carregador com 16 munições intactas, uma Revolver com duas munições deflagradas e 03 munições.

De acordo com o proprietário do estabelecimento comercial onde aconteceu o fato, quando seu cliente {vítima} chegou e pediu uma cerveja, o {suspeito}, que já estava no local consumindo bebida alcoólica, que segundo o depoimento do proprietário do local, o suspeito dos disparos disse para a vítima: “aqui não vende bebida fiado” e que a vítima respondeu: “eu tenho dinheiro e vou pagar, não compro nada fiado”. Logo após iniciou-se uma discussão sobre este assunto, o proprietário disse: “porque vocês não param com essa discussão, eu tô desde cedo trabalhando e estou muito cansado”, momento que a vítima pediu desculpas para o dono do estabelecimento pela discussão que estava ocorrendo ali.

Consta no registro que o suspeito aproveitou da oportunidade, agrediu a vítima com um soco, onde veio a cair no chão, que segundo o proprietário não viu a vítima revidar as agressões em nenhum momento.

Segundo depoimento do suspeito, a vítima chegou alterada xingando todo mundo e que posteriormente ambos iniciaram uma discussão, o suspeito disse ter derrubado a vítima no chão e entraram em luta corporal, o suspeito percebeu que a vítima estava armada, e durante a luta corporal, ouviu um disparo de arma de fogo, que durante a briga conseguiu desarmar A vítima. O caso já está sendo investigado pela Polícia Civil.

A reportagem não conseguiu contato com as defesas dos envolvidos para manifestar sobre o acontecido.

FONTE: MAIS GOIÁS

NOTÍCIAS SIMILIARES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

PUBLICIDADE

spot_imgspot_imgspot_img

spot_img

spot_imgspot_imgspot_img

spot_imgspot_imgspot_img

NOTÍCIAS RELEVANTES

Comentários Recentes