quarta-feira, julho 24, 2024
spot_img
HomeBrasilMulher arma casamento com o sogro para receber pensão de R$ 14...

Mulher arma casamento com o sogro para receber pensão de R$ 14 mil, diz PF

Nora firmou um falso casamento com o sogro, de 91 anos, um ano antes da morte do idoso. Mulher recebe pensão desde 2012.

A Polícia Federal deflagrou, nesta sexta-feira (1º), operação que investiga um esquema de fraude na concessão de pensões por morte no Ministério das Comunicações. A PF tem indícios de que uma mulher forjou um casamento fictício com o sogro dela (50 anos mais velho) um ano antes da morte do idoso, que foi servidor do Ministério das Comunicações e combatente do Exército.

“O filho e nora do idoso falecido teriam simulado um casamento dela com o então sogro, que sofria de mal de Alzheimer, com a finalidade de receber as pensões após a morte do beneficiário”, diz a PF.

A operação aconteceu em João Pessoa, capital da Paraíba. A PF cumpriu mandado de busca e apreensão na casa de dois investigados.

O idoso faleceu no dia 9 de dezembro de 2012, aos 91 anos. Na época, a “esposa fictícia” tinha 42 anos. O casamento foi registrado em 29 de setembro de 2011 e chegou ao conhecimento de outros familiares apenas após o óbito do instituidor, quando constataram a condição de casado na certidão de óbito.

A soma das pensões que a mulher está recebendo do Exército e do Ministério das Comunicações desde dezembro de 2012 é de R$ 14.024,19. A PF estima que o prejuízo aos cofres públicos tenha superado R$ 1 milhão.

FONTE: MAIS GOIÁS

NOTÍCIAS SIMILIARES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

PUBLICIDADE

spot_imgspot_imgspot_img

spot_img

spot_imgspot_imgspot_img

spot_imgspot_imgspot_img

NOTÍCIAS RELEVANTES

Comentários Recentes